Asteroide Cupido – o seu Amor Apaixonado

asteroide-cupido-deus-do-amor-terno

O que o asteroide Cupido influencia no Mapa de Asteroides? O que acontece quando você se apaixona por alguém – ou ao contrário – e ainda não está mostrando em seu Mapa astral pessoal de astrologia, ou seu astrólogo não está descrevendo sobre isso? A resposta geralmente repousa com os asteroides.

Não costumamos fazer uma delineação/interpretação desses asteroides em um Mapa Astral (e eu estou falando dos asteroides Romano-Latinos que são parte de nossa árvore de família da astrologia moderna). Ou talvez o seu astrólogo não os use. Um asteroide como Cupido (seu título oficial é Cupido) pode fazer toda a diferença para a sua vida amorosa. Aqui na foto que está abaixo, ele está preparado para atirar uma flecha de paixão em um coração humano desavisado. A boa notícia é, porém, que se pode usar algum conhecimento secreto da astrologia para encontrá-lo e outros símbolos claros do amor iminente. E para também para se ter alguma ideia se é o tipo temporário ou duradouro.

Cupido em um Museu da Inglaterra

Mitologia

Cupido é o mais famoso dos símbolos dos Namorados e todo mundo sabe que é o menino armado com arco e flechas, e corações flechados. Ele é conhecido como uma criança maliciosa e alada, armada com arco e flechas. As setas significam desejos e emoções de amor, e Cupido apoia essas setas em Deuses e Humanos, fazendo com que você caia profundamente no amor. Cupido sempre desempenhou um papel nas celebrações de amor e enamorados. Na Roma antiga ele era conhecido como o filho de Vênus (Afrodite), a deusa do amor e da beleza e seu pai era Marte (Ares) – o deus da guerra, sua avó era Juno (Hera) – a deusa do casamento e seu avô Júpiter (Zeus) – o deus da fortuna.

Há uma história muito interessante ( e triste ao meu também) sobre Cupido e sua amada noiva mortal Psique na mitologia romana. Vênus estava com ciúmes da beleza de Psique, e ordenou Cupido punir esta mortal. Mas, em vez disso, Cupido se apaixonou profundamente por ela. Ele a tomou como sua esposa, mas como um mortal ela foi proibida de olhar para ele, pois era costume de deuses e mortais não se olharem um ao outro.

Psique ficou feliz até que suas irmãs a persuadiram a olhar para Cupido. Assim que Psique olhou para Cupido, Cupido a castigou deixando-a. Seu adorável castelo e jardins desapareceram junto com ele. Psique encontrou-se sozinha em um campo aberto, sem sinais de outros seres humanos ou de seu amor, Cupido. Enquanto vagava tentando encontrar seu amor, ela veio ao templo de Vênus, rogar-lhe para que falasse com seu filho e intercedesse neste tema amoroso. Possessa de ciúmes, ressentimentos e desejando destruí-la, a Deusa do Amor deu a Psique uma série de tarefas, cada uma mais dura e mais perigosa do que a última.

Para sua última tarefa Psique foi dada uma pequena caixa e disse para levá-lo para o submundo. Foi-lhe dito para obter um pouco da beleza de Prosérpina, a esposa de Plutão, e colocar dentro de uma caixa. Durante sua viagem, ela recebeu dicas sobre como evitar os perigos do reino dos mortos, conquistar Cupido e tê-lo de volta ao seu lado. Ela também foi avisada para não abrir a caixa. Vênus não acreditava que o amor de Psique por seu filho era verdadeiro. A tentação superou Psique e ela abriu a caixa. Mas em vez de encontrar beleza, ela acabou encontrando uma maldição que a fez a cair em um sono profundo e mortal.

Cupido a encontrou sem vida no chão. Ele juntou o sono mortal de seu corpo e colocou de volta na caixa. Após isso, Cupido a perdoou e nunca mais foi o mesmo, não tinha mais o brilho dourado em seus cabelos encaracolados, já não tocava as músicas em sua harpa no castelo em dias de festas.

Vênus ao vê-lo amuado e definhando-se pouco a pouco, pôde ter a certeza de que Psique e Cupido tinham uma conexão intensa e de que ela amava a seu filho e que ele tinha a mesma intensidade de amor e paixão por ela, e assim Vênus a perdoou. Os deuses, movidos pelo amor de Psique por Cupido, fizeram dela uma deusa e decidiram colocá-la na Constelação de Asteroides e dá-lhe o título de “Deusa da Alma”, pois somente ela seria capaz de conectar Alma ao Amor e mais ninguém!

Cupido ao ver essa homenagem se comoveu e decidiu que a partir daquele dia até para toda a eternidade, nenhum dos mortais ficariam sem seus amores e com sua magia pegou um arco e uma flecha e decidiu a vagar pelo mundo dos mortais a fim de cumprir a sua promessa de unir dois mortais em uma só carne e alma (psique).

Nos dias atuais, Cupido e suas setas se tornaram os sinais de amor mais populares, e o símbolo do amor correto é descrito por dois corações traspassados ​​por uma flecha, a flecha mágica de Cupido atingindo dois corações para fazer um só.

Asteroide Cupido – Simbologia

CURIOSIDADE: Em todas as mitologias e durante séculos de estudos na Astrologia. Esta foi a única parte em que é demonstrada a face CRUEL e NEFASTA de Vênus, contrariando a sua própria ordem de transbordar o Amor.

Mas depois de todo o ritual, Vênus confessou a seu filho que verdadeiramente não estava preparada para se tornar uma deusa JOVEM e AVÓ no auge de seus 30 anos de idade. PS: Vênus influencia tanto homens e mulheres a serem vaidosos, com Vênus proeminente em um Mapa Astral, ambos sentem PAVOR de se tornarem velhos, avós, terem cabelos brancos, barbas brancas, entram em academias, preenchem com Botox, fazem cirurgias plásticas, etc… Se você conhece alguém assim, tenha a certeza de que Vênus está pairando fortemente no Mapa natal desta pessoa.

Cupido em astrologia

Na astrologia, o asteroide Cupido por si só talvez esteja associado com as provações do amor associadas ao encantamento inicial e aos atos de sedução realizados para obter o objeto amoroso, e não o próprio ato sexual.

O signo natal e casa onde Cupido está em indicará o estilo, tom e arena preferida de ação para os poderes românticos de um indivíduo; Os aspectos feitos a Cupido pertenceriam às circunstâncias, positivas ou negativas, sob as quais uma seria atraída para uma dança de namoro com o objeto de amor. Os aspectos planetários difíceis feitos a Cupido podem relacionar-se com aquela qualidade que particularmente nos excita em gerar atração ou as barreiras e obstáculos que erguemos entre nós e o objeto de desejo.

O último poderia incluir obrigações físicas reais, medos, perfeccionismo, e uma necessidade de controle ou ficar encantado com alguém que é manifestamente inalcançável.

Ou podemos ser essencialmente inalcançáveis, envoltos em uma contemplação narcísica do eu.

Um Cupido forte em aspecto positivo para qualquer um dos planetas faria um altamente desejável para as outras pessoas nas formas expressadas pelo planeta sendo aspectado.

Por exemplo, um nativo com uma sexta casa Cupido conjunta Vênus em Capricórnio e ambos em trígono para uma segunda casa Saturno em Virgem poderia apresentar como sedutoramente esmagadora para alguém ligado por figuras de autoridade financeiramente estável, empreendedor e paternal.

Cupido não aspectado ou retrógrado pode se relacionar com uma tendência a reprimir e/ou desmentir as próprias necessidades reais na troca de amor, em vez disso sublimando essas qualidades a um conjunto de condições colocadas pelo objeto desejado, ou sublimação em favor de um conjunto irrealista de condições que são então projetadas sobre o objeto desejado.

O padrão comum seria cair de amor com as qualidades de superfície primeiramente tais como a cara e a figura bonitas, um comportamento doce, e uma voz amável;

Em seguida, descobrir o que a pessoa é realmente, mais tarde. Muitas vezes, o objeto de amor proposto não tem interesse em satisfazer as necessidades pessoais de amor e afeto de outras pessoas.

A rejeição dolorosa acontece porque a pessoa de Cupido não permitiu uma avaliação honesta de suas próprias necessidades reais em primeiro lugar, nem percebeu claramente as necessidades e a natureza da pessoa que está sendo perseguida.

Através de sua data de nascimento é possível saber em qual signo está o Cupido no Mapa Astral. Faça o download da documentação. Há destaque para os que estão retrógrados.

CUPIDO NOS SIGNOS 1960 – 1999

OBTENHA SUA PESQUISA AQUI OBTENHA SUA PESQUISA AQUI